DOENÇAS

Eflúvio

A doença: o Eflúvio é quando a queda de cabelo ocorre de forma intensa em alguma fase do ciclo capilar. Existem dois tipos da doença, o Eflúvio anágeno e o Eflúvio Telógeno. O Eflúvio Anágeno acontece quando os fios caem logo após algum fator desencadeante, ainda na primeira fase do ciclo capilar, chamada de anágena. Geralmente quem sofre com essa condição são os pacientes submetidos à radiação ou quimioterapias. Além disso, outros fatores são desencadeantes do Eflúvio Anágeno, como inflamações e infecções sistêmicas, medicamentos específicos e químicas capilares. Já o Eflúvio Telógeno promove a queda intensa de cabelos que estão na fase telógena, tendo como possíveis causas o pós-parto, medicações de reposição hormonal, traumas físicos ou emocionais, pós-cirurgias, doenças da tireóide e/ou deficiências nutricionais. Geralmente a queda dos fios no Eflúvio Telógeno ocorre cerca de 3 meses após o fator desencadeante.

Como tratar? O tratamento consiste, primeiramente, no diagnóstico da causa e na sua correção. Assim quando forem detectadas deficiências alimentares ou alterações emocionais, por exemplo, é fundamental tratar o problema para que os fios voltem a cumprir o ciclo capilar normalmente. Além disso, algumas terapias capilares e medicamentos específicos podem ser indicados pelo dermatologista, visando controlar o processo e estimular o crescimento de novos fios.

TRATAMENTOS RELACIONADOS:

Terapia Capilar

SAIBA MAIS +

Tricoscopia

SAIBA MAIS +